6 de ago. de 2010

Não deu pra nóis

6 de ago. de 2010
Por Unknown em
Quem sabe ano que vem! Não vamo abaixar a cabeça meu tricolor!!



O capitão Rogério Ceni não conteve as lágrimas depois da eliminação na Copa Libertadores da América. Aos 37 anos, o goleiro tinha a esperança de levar o São Paulo ao tetracampeonato da competição e até tentou lutar de cabeça na área, mas não conseguiu evitar a desclassificação e chorou na saída do gramado do Morumbi, na noite desta quinta-feira.

O técnico Ricardo Gomes elogiou a postura do ídolo são-paulino na vitória por 2 a 1 sobre o Internacional, que foi insuficiente para manter o Tricolor vivo. "O Rogério começou no São Paulo e sua história é ligada ao clube. Ele sentiu muito. Nesses últimos dias, ele estava com dificuldade para dormir, ansioso, querendo mais uma vitória na Libertadores", comentou o treinador, que acrescentou.

"Ele tentou até o último minuto. Só tenho elogios, pois é um exemplo e vencedor. Ele se recupera e encontra forças mesmo nos momentos mais difíceis, tem tudo a ver com a história do São Paulo", completou.

Nos minutos finais, Rogério Ceni foi à área para tentar marcar o gol da classificação, mas até se envolveu em atrito com o lateral esquerdo Kleber. Ambos trocaram empurrões.

Com contrato até o fim de 2012 no Morumbi, quando planeja encerrar a carreira, o capitão tricolor pode ter mais duas oportunidades de buscar o título da Libertadores.[Abril]